A frota da Marinha chinesa tornou-se a maior do mundo

 Фото: GG001213/Wikipedia
GG001213/Wikipedia

A frota chinesa ultrapassou os EUA no número de unidades e se tornou a maior do mundo. O número total de navios de guerra chegou a 300, escreveu a Popular Mechanics.

A análise foi apresentada pelo Centro Americano de Estudos Estratégicos e Internacionais. O número de navios de guerra chineses excedeu em 13 unidades a composição da Marinha dos EUA. Este número leva em conta o número de porta-aviões, cruzadores, destróieres, fragatas, corvetas, submarinos e navios anfíbios. Agora a frota chinesa, de acordo com o CSIS, tem mais navios do que a Alemanha, a Índia, a Espanha e o Reino Unido combinados.

A frota de Pequim inclui 23 destróieres, 59 fragatas, 37 corvetas e também 76 submarinos, incluindo os nucleares. O principal aumento das forças chinesas está nos navios de superfície.

No entanto, segundo o autor PM, quantidade não significa qualidade. As naves Tipo Jingdao da Classe 056 da são bastante leves e não são adequadas para combate sério, enquanto as fragatas Tipo Jiangkai-II da Classe 054A não são capazes de atingir longas distâncias. No entanto, esses dois tipos de navios representam um terço da frota chinesa.

O principal problema, de acordo com a PM, está na ausência de plataformas sérias para aumentar a capacidade: a China tem apenas um porta-aviões e nenhum navio anfíbio de assalto. A frota americana ainda supera a frota chinesa em deslocamento: em três milhões de toneladas. No entanto, Pequim continua a aumentar sua força e atingirá o pico, segundo especialistas, até 2030.

23.05.2019, 15:42 Gazeta Russa

Postar um comentário

0 Comentários