Alemanha defende permanência da Rússia no Conselho Europeu

Presidente do Conselho Europeu Donald Tusk
© REUTERS / Yves Herman
A porta-voz do escritório de Relações Exteriores alemão, Maria Adebhar, afirmou nesta quarta-feira (15) que a Alemanha defende a permanência da Rússia no Conselho Europeu, com todos os direitos e responsabilidades.

O chefe do Conselho, Thorbjorn Jagland, alertou Moscou de que a Rússia poderia ser expulsa da organização em junho por estar em atraso com obrigações financeiras como associada.

"[O ministro de Relações Exteriores da Alemanha] Heiko Maas irá voar até Helsinque na sexta-feira para um encontro de ministros de Relações Exteriores do Conselho […]. Eles vão, claro, discutir questões políticas urgentes […]. Isso inclui a filiação da Rússia em permanecer no Conselho e manter todos os direitos e responsabilidades", disse Adebhar a repórteres.

A Rússia teve seu direito ao voto revogado na Assembleia Parlamentar do Conselho após 2014, quando uma crise política na Ucrânia culminou com a separação da Crimeia. Em junho de 2017, a Rússia retirou sua delegação do grupo e parou de pagar as taxas exigidas pelo Conselho formado por 47 países.

09:59 15.05.2019 Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários