Caixa preta não conseguiu esclarecer detalhes do acidente aéreo do F-35 no Japão

Caças F-35 Lightning
© Airman 1st Class Lillian Miller
Na caixa preta da aeronave F-35A das Forças de Autodefesa do Japão que caiu no início de abril não foi encontrado o aparelho de gravação, informou a agência Kyodo, citando o Ministério da Defesa do Japão.

De acordo com a agência, a caixa preta do F-35A não continha o aparelho de gravação onde deveria estar registrada a informação sobre o voo antes do desastre.

A caixa preta foi encontrada no fundo do mar, o aparelho estava muito danificado. Desta forma, por enquanto não é possível esclarecer as razões do sinistro. As Forças de Autodefesa estão buscando o tripulante.

Anteriormente, oficiais das Forças de Autodefesa divulgaram a informação de que o piloto havia entrado em contato com os colegas momentos antes do acidente, para avisá-los de que estava cancelando a missão.

O caça F-35A da JASDF era tripulado pelo major Akinori Hosomi, de 41 anos. O avião desapareceu dos radares quando estava a 135 quilômetros a leste da cidade de Misawa durante um treinamento, em 9 de abril.

Vale ressaltar que o Japão comprou inicialmente um total de 42 aparelhos F-35A, encomendando outras 63 unidades do F-35A e mais 42 do F-35B, posteriormente.

04:50 07.05.2019(atualizado 04:57 07.05.2019) Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários