Defesa antiaérea russa derrubou todos os mísseis lançados contra base de Hmeymim na Síria

Base militar russa de Hmeymim, Síria
© Sputnik / Dmitry Vinogradov

Sistemas Pantsir-S1 e Tor-M1 derrubaram 27 foguetes lançados por militantes contra a base aérea russa de Hmeymim, na Síria, não permitindo que nenhum projétil atingisse as instalações militares, comunicou o Centro Russo de Reconciliação das partes em conflito.

As informações foram divulgadas pelo Centro Russo de Reconciliação através de um comunicado.

"Sistemas de mísseis russos Pantsir-S1 e Tor-M1 derrubaram 27 foguetes, nenhum dos projéteis caiu no território da base."

Ao mesmo tempo, o documento indica que os militantes atacaram a cidade síria de Jableh: "Nove foguetes explodiram nas ruas da cidade e nos arredores dela."

Anteriormente, o chefe do Centro Russo de Reconciliação, Viktor Kupchishin, declarou que a base aérea russa de Hmeymim, na Síria, foi atacada por duas vezes por grupos armados usando lançadores múltiplos de foguetes. O bombardeio começou na noite de 6 para 7 de maio e continuou na manhã de hoje (7). O ataque foi realizado a partir do leste, ou seja, dos territórios controlados pelos terroristas da Frente al-Nusra (organização terrorista proibida na Rússia e em vários outros países).

Entretanto, ele acrescentou que todos os locais de lançamento de foguetes dos terroristas foram detectados e destruídos pela aviação da Força Aeroespacial da Rússia, que atuou em conjunto com o Exército sírio.


11:01 07.05.2019(atualizado 11:28 07.05.2019) Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários