EUA exigem que Alemanha aumente gastos em defesa para 'intimidar a Rússia'

[© AFP 2019 / CHRISTOF STACHE] Soldados alemães em frente de veículo de trasporte de tropas Boxer depois de exercícios no sul da Alemanha

A Alemanha deve aumentar os gastos com a defesa para 2% do PIB, já que a OTAN é um instrumento importante para "intimidar a Rússia", disse o secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, ao jornal BILD.

Mike Pompeo, que chegou em 31 de maio a Berlim para se encontrar com a chanceler alemã Angela Merkel e o ministro das Relações Exteriores da Alemanha, Heiko Maas, afirmou na entrevista para o tabloide BILD que "a decisão mais difícil está nas mãos do povo alemão".

"A OTAN é um instrumento extremamente importante para intimidar a Rússia. A Alemanha, com sua capacidade e riqueza, deve entender que deve contribuir com algo, pelo menos com o que prometeu a si mesma", disse o secretário de Estado dos EUA.

Pompeo destacou que o governo alemão fez uma promessa de gastar 2% do PIB na defesa e que as pessoas devem exigir que o governo cumpra a promessa.

"Esperamos que a Alemanha faça mais. O governo alemão entende a ameaça de um programa de mísseis e a agressão regional (do Irã — ed.). Esses riscos são reais", adicionou Pompeo, acrescentando que "os democratas livres têm a obrigação de proteger o mundo das ameaças", e que ele "espera que a Alemanha seja um parceiro".

Anteriormente, após a reunião com Pompeo, Heiko Maas disse que a Alemanha e os EUA estavam interessados em boas relações com a Rússia e em um diálogo de trabalho para resolver os conflitos internacionais.

07:26 01.06.2019(atualizado 09:09 01.06.2019) Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários