Bases militares soviéticas abandonadas



“Nós, civilizações, sabemos hoje que somos mortais.” Essas palavras do poeta francês Paul Valéry são usadas na resenha de um livro do fotógrafo europeu Eric Lusito, repleto de fotos de instalações militares soviéticas extintas.


1. 126º Regimento de Aviação de Caça, Mongólia

126º Regimento de Aviação de Caça, Mongólia

Esta imagem da série de Lusito, Vestígios do Império Soviético, mostra uma base aérea soviética na Mongólia. Construído na década de 1970, está localizada em uma área que era vista como a linha de frente em um possível conflito com a China. As relações entre Moscou e Pequim estavam em um ponto baixo na época.

2. 41ª Divisão de Rifle, Mongólia

41ª Divisão de Rifle, Mongólia

Esse é um monumento aos soldados que lutaram na Grande Guerra Patriótica (Segunda Guerra Mundial). A área em frente às estátuas era usada para desfiles militares.

3. 677º Regimento de Artilharia, Mongólia

677º Regimento de Artilharia, Mongólia

Essa base estava localizada perto da borda norte do deserto de Gobi, e também destinava-se a combater a potencial ameaça chinesa.

4. 2ª Divisão da Guarda de Tanques, Mongólia

2ª Divisão de Tanques de Guardas, Mongólia

Durante a era soviética, o pessoal militar e suas famílias viviam em Choibalsan, na Mongólia e nos arredores, com uma população de mais de 300.000 habitantes. Agora são cerca de 39.000.

5. Sede do Grupo Central de Forças, República Tcheca

Sede do Grupo Central de Forças, República Tcheca

Milovice era uma base importante na Tchecoslováquia (hoje República Tcheca) e serviu como sede da CGF(Grupo Central de Forças). Estima-se que o exército soviético tivesse cerca de 100.000 pessoas (incluindo famílias) em Milovice entre 1984 e 1988.

6. 129º Centro Independente de Radar de Detecção Antecipada, Letônia

129º Centro Independente de Radar de Alerta Antecipado, Letônia

A estação foi responsável pela detecção de mísseis balísticos vindos do Ocidente. O slogan na parede diz: "A vitória começa aqui!"

7. 44º Complexo de Comando Independente, Cazaquistão

44º Complexo de Comando Independente, Cazaquistão

Nos anos 50, para rastrear satélites, tornou-se uma das bases soviéticas mais sofisticadas para observação espacial, equipada com controle de satélites e instalações de vigilância espacial.

8. 649º Centro de Inteligência de Rádio de Objetos Espaciais Independentes, Letônia

649º Centro de Inteligência de Rádio de Objetos Espaciais Independentes, Letônia

As bases militares soviéticas no exterior tendiam a ter residências isoladas, escondidas longe do público em áreas restritas.

9. KGB, unidade militar 93544, Rússia

KGB, unidade militar 93544, Rússia

Nas palavras de Francis Conte, professor de cultura russa e soviética na Universidade de Paris-Sorbonne, Lusito "nos ajuda a entender que, na Rússia e em outros lugares, as ruínas são a expressão de profundas mudanças no tempo e na história".

10.  'Eu sirvo a União Soviética'

'Eu sirvo a União Soviética'


11.  'Oficiais soviéticos são filhos dedicados do povo'

'Oficiais soviéticos são filhos dedicados do povo'

Traduzido por Pacto de Varsóvia.

24 DE JANEIRO DE 2019 Russia Beyond

Postar um comentário

0 Comentários