Quantidade não é qualidade

Quando 'mais' não quer dizer 'melhor'

Os EUA vão instalar mais uma bateria de mísseis terra-ar Patriot após ataques a refinarias da Saudi Aramco, informou o porta-voz do Pentágono Jonathan Hoffman.


Além disso, Washington vai enviar para a Arábia Saudita cerca de 200 militares e quatro radares Sentinel.

O secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, também aprovou a ideia de enviar mais duas baterias do Patriot e um sistema de defesa antimíssil THAAD, entretanto, a decisão sobre a instalação do armamento ainda não foi tomada.

Os representantes do Pentágono notam que a instalação de mais forças vai consolidar a segurança do país árabe, assim como a das forças norte-americanas na região, e exprimem a esperança de que outros países da região também contribuam no fortalecimento da defesa da Arábia Saudita.

Na semana passada, militares norte-americanos reconheceram a derrota do Patriot durante o ataque com drones e mísseis às refinarias sauditas.

09:29 27.09.2019 Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários