Rússia irá instalar dois novos radares antimísseis no Ártico

Estação de radar Voronezh-SM (imagem de arquivo)

Dois novos radares antimísseis serão implantados na república de Comi e na região de Murmansk, no norte do país.


Os radares serão incluídos ao Sistema de Alerta de Ataque de Mísseis (SPRN), utilizado para a defesa aeroespacial do país.

As instalações estão sendo construídas na república russa de Comi e na região de Murmansk, ambas na parte ártica do país.

Atualmente o SPRN conta com radares Voronezh, implantados nas regiões de Irkutsk, Kaliningrado, Leningrado, Orenburgo, Krasnodar e Krasnoyarsk.

Nos próximos anos, mais de dez novos complexos de vigilância por rádio e laser para a detecção, reconhecimento e classificação de aparelhos espaciais serão construídos no país. Um deles já está em operação na região de Altai.


Data especial


O dia 4 de outubro é uma data especial para a Força Aeroespacial da Rússia. Foi nesta data em 1957 que a União Soviética enviou o primeiro satélite feito pelo homem ao espaço, o Sputnik-1, publicou o Ministério da Defesa da Rússia.

A Força Aeroespacial da Rússia é responsável pelo controle dos satélites do país e a defesa aeroespacial.

06:36 04.10.2019 Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários