Putin defende que BRICS usem mais rublos em suas transações financeiras

Presidente da Rússia, Vladimir Putin, participa da 11ª Cúpula do BRICS, em Brasília.

O presidente da Rússia, Vladimir Putin, disse nesta quinta-feira (14) durante reunião com o Conselho Empresarial do BRICS e o Novo Banco de Desenvolvimento (NDB) que os países do bloco deveriam usar mais o rublo russo em transações financeiras.

Segundo o líder russo, a Rússia poderia ajudar os países do BRICS a levantarem rublos para realizarem as transações.

"Nós acreditamos que o rublo é uma moeda convertível e por isso queremos que os créditos sejam oferecidos em rublos", disse Putin.

O presidente da Rússia elogiou a reunião com o Conselho Empresarial e integrantes do Novo Banco de Desenvolvimento.

"Essa reunião com os representantes do Conselho Empresarial e NDB são um instrumento útil e muito importante que fortalecerá os interesses dos nossos países", afirmou Putin.

Durante a reunião com empresários, líderes de outros países do bloco defenderam o uso do banco para se investir em infraestrutura.

Segundo o primeiro-ministro da Índia, Narendra Modi, o país tem o desejo de atrair investimentos em infraestrutura.

"Nossa economia tem grande necessidade de financiamento em infraestrutura e o NDB pode oferecer um grande apoio nessa área", disse Modi.

O presidente da África do Sul, Cyril Ramaphosa, também pediu para que sejam feitos investimentos em infraestrutura em seu país.

"Confiamos que as atividades do NDB na África devem ajudar a superar o grande déficit em infraestrutura no continente africano", afirmou.

O presidente da China, Xi Jinping, voltou a fazer críticas ao protecionismo econômico e fez um apelo aos países do bloco.

"Espero que vocês se mantenham fiéis ao princípio de fundação de nosso bloco de manter o desenvolvimento econonômico igualitário e justo", disse o líder chinês.

Os líderes do BRICS estão reunidos desde quarta-feira (13) em Brasília para a ocasião da 11ª Cúpula do BRICS.

13:33 14.11.2019 (atualizado 13:38 14.11.2019) Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários