Síria derruba série de mísseis lançados por Israel sobre Damasco (VÍDEOS)

Míssil atravessando o céu sobre Damasco durante o ataque aéreo lançado pelos EUA e seus aliados.

Poderosas explosões ocorreram na capital da Síria, Damasco, nas primeiras horas desta quarta-feira (hora local), informou um correspondente da Sputnik.

As primeiras explosões foram ouvidas por volta das 01h30 (horário local) desta quarta-feira. Elas ocorreram em intervalos de cinco segundos.

De acordo com a mídia estatal síria, os mísseis foram disparados de "aviões de guerra israelenses" sobre a capital Damasco.


"Às 01h20 de quarta-feira, aviões de guerra israelenses [...] atingiram a vizinhança da cidade de Damasco com vários mísseis", afirmou a agência de notícias SANA, segundo uma fonte militar.

"Nossa defesa aérea enfrentou o ataque pesado e interceptou os mísseis hostis, e foi capaz de destruir a maioria deles antes de atingir seus alvos", acrescentou a agência.

Um total de pelo menos 20 explosões ocorreu, de acordo com o correspondente da Sputnik, e sua frequência aumentou com o passar do tempo.


A SANA acrescentou que a agressão foi realizada em "territórios libaneses e palestinos". Frequentemente, Israel lança seus ataques contra a Síria a partir de aviões que sobrevoam o vizinho Líbano.

A TV estatal Al-Ikhbariya (canal de notícias da Síria) informou que os sistemas de defesa aérea do país estavam combatendo um ataque a Damasco e arredores nas primeiras horas desta quarta-feira. Vários mísseis foram abatidos ao sul de Damasco, continuou o canal de TV.


Desde o início da guerra da Síria em 2011, Israel realizou centenas de ataques no território do país contra o que diz serem alvos iranianos e do grupo xiita libanês Hezbollah.

O ataque ocorreu depois que as defesas aéreas de Israel interceptaram quatro foguetes disparados da Síria na manhã de terça-feira, provocando ataques de mísseis retaliatórios.


O Observatório Sírio para os Direitos Humanos disse que os foguetes de terça-feira foram disparados de posições em torno da capital mantidas por grupos leais ao governo de Damasco.

O ataque ocorre após uma grande escalada em Gaza e nos arredores na semana passada, após a morte de Israel de um comandante do grupo militante palestino Jihad Islâmica, que é aliado a Damasco.

21:25 19.11.2019 (atualizado 22:08 19.11.2019) Sputnik

Postar um comentário

0 Comentários