Bombardeiro mais poderoso do mundo está pronto para decolar na Rússia

05:49 20.12.2021

Bombardeiro Tu-160M - Sputnik Brasil, 1920, 20.12.2021
Em 2022, está previsto o primeiro voo do novo bombardeiro russo Tu-160M, considerado um importante componente aéreo da "tríade nuclear".
O avançado bombardeiro conta com motores NK-32-02, que são mais econômicos e com recursos elevados.
E é graças à sua potência que o Tu-160 é considerado o bombardeiro mais rápido do mundo, podendo atingir a velocidade supersônica no modo pós-combustão e mantê-la durante 45 minutos, superando facilmente as defesas aéreas do inimigo.
Com relação ao armamento, a aeronave contará com mísseis de cruzeiro X-101 e X-102, além de poder utilizar mísseis antinavio de longo alcance. Além disso, graças ao sistema computacional baseado no SVP-24 Gefest, assim como nos bombardeiros Su-24 e Tu-22, as bombas não guiadas se tornarão em armas de precisão.
A aeronave também deve contar com novas munições, como o míssil hipersônico de longo alcance X-95.
A aeronave conta com novos equipamentos de voo e navegação, sistemas de comunicação a bordo, sistema de controle modernizado, radar e sistema de contramedidas eletrônicas.
tripulação do Tu-160 é de quatro pessoas, a carga dos armamentos é de 40-45 toneladas, o alcance é de 13.500 km.
O Tu-160 é um bombardeiro estratégico supersônico de asas de geometria variável, capaz de carregar mísseis nucleares ou convencionais até locais distantes e em profundidade do território inimigo.

Postar um comentário

0 Comentários